Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Signor Benedikt the Moor x Daisy Mortem x Ângela Polícia

Signor Benedikt the Moor x Daisy Mortem x Ângela Polícia

Música & Festivais | Concerto

Salão Brazil JACC

Sala Principal
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
A partir dos 12 anos
2018
nov
10
Realizado

Duração

120 minutos

Intervalo

Sem Intervalo.

Promotor

Jazz ao Centro Clube

Breve Introdução

Signor Benedikt the Moor x Daisy Mortem x Ângela Polícia

Signor Benedick the Moor é um rapper da Califórnia, conhecido pela sua abordagem experimental, desrespeito pelas fronteiras de géneros musicais e concertos onde abunda a energia.
SB editou pela Deathbomb Arc, uma label underground que edita cassetes e que tem no seu catálogo os Death Grips, clipping. e JPEGMAFIA.
O mais recente trabalho de SB para a Deathbomb chama-se cybr.pnk//mnfst.dstnii, com temas retirados de duas mixtapes e incluindo colaborações com Jonathan Snipes (clipping.) e Daveed Diggs (clipping., Hamilton).

"He looks like a 16th-century courtier or a medieval polymath, a black Michelangelo" THE GUARDIAN

"The homebrewed hip hop of SBTM presents a rapper on the verge of deconstructing him" THE WIRE

::::::::::::::::

Daisy Mortem
A banda sonora de um sonho erótico...

Acabaram de editar o seu primeiro EP "La vie c’est mort ", onde cantam as suas obsessões sombrias. Ao mesmo tempo, vão já apresentando os temas do primeiro longa duração.

"Ils partagent un certain goût pour la fête déniaisée et les coups de tatanes dans vos tétons percés et vos fessiers rebondis" VICE NOISEY

"Voilà du synth-punk qui dit tout le bien qu'il pense de 'époque : "l'amour le sida, il y a tout ça en moi". À voir en spectacle vivant" LA SOUTERRAINE

:::::::::::::

ÂNGELA POLÍCIA

Ângela Polícia nasceu em Braga e em 2015 começou a organizar as ideias, letras e batidas que há algum tempo vinha a criar. Em 2016, foi convidado pelos Conjunto Corona para fazer a 1a parte do seu concerto, na apresentação do álbum "Cimo de Vila Velvet Cantina". Em 2017, estreia pela Crate Records de Razat, o seu álbum "Pruridades", onde mistura vários movimentos musicais como o Hip-Hop, Dub ou Punk. Tem óptima aceitação por parte da crítica. Â.P. purga os teus tormentos através da
sua lírica crua, interventiva e lunática. As suas batidas são sónicas, malaicas e fora da caixa. Em 2017, deu concertos no ViraPop, gnration, Sabotage, Café AuLait, Alma Eléctrica
e Aveiroshima, abrindo para artistas como Shabazz Palaces, Cachupa Psicadélica, Scúru Fitchadu, Holy Nothing, Estado de Sítio, entre outros. Além disso, ainda organiza eventos no underground da sua cidade com o seu colectivo artístico Projéctil.

Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

Telectu

Música & Festivais | Concerto

Salão Brazil JACC

Sala Principal

Beautify Junkyards

Música & Festivais | Concerto

Salão Brazil JACC

Sala Principal