Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
JOHN ROMÃO - VIRGENS SUICIDAS

JOHN ROMÃO - VIRGENS SUICIDAS

Teatro & Arte | Teatro

Teatro do Campo Alegre

Auditório
Classificação Etária
Maiores de 16 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2020
jan
24
a
2020
jan
25
Dias
Hrs
Min
Seg

Duração

75 minutos

Promotor

Câmara Municipal do Porto

Breve Introdução

TEATRO
JOHN ROMÃO
VIRGENS SUICIDAS
SEX 24 JAN 21H00 & SÁB 25 JAN 19H00
CAMPO ALEGRE
Auditório

1h15

SINOPSE
Com uma linguagem clínica precisa, composta por detalhes misteriosos e eróticos,
Virgens Suicidas, de John Romão, com dramaturgia de Mickael Oliveira, é uma criação que se inspira no texto homónimo de Jeffrey Eugenides e no texto Mine-Haha, or On the Bodily Education of Young Girls de Frank Wedekind. Interpretado por Luísa Cruz, Vera Mantero, Mariana Tengner Barros e ginastas adolescentes. As intérpretes estão recolhidas num espaço confinado ao feminino, onde se observa uma vida rotineira e rígida: dedicam-se à educação física, ao teatro, à dança, num aparente ambiente idílico. Há algo de inquietante entre as paredes deste lugar: para além das raparigas sofrerem de isolamento absoluto, afastadas do resto do mundo, a sua submissão a uma disciplina física severa abre em cada uma delas um estado de exceção a desejos violentos de aniquilação. "Virgens Suicidas" ataca a natureza repressiva da educação, é um chamamento distópico às armas, marcado pela inauguração e o fim do corpo adulto.


BIOGRAFIA
John Romão dirige os seus espetáculos desde 2002: "Que difícil é ser um deus" (2017), "Náufrago" de Thomas Bernhard (2016), "Teorema" (2014), "Pocilga" de Pasolini (2015), "Morro como país" (2012), etc. Entre 2006-2017 foi assistente de direção artística do encenador argentino Rodrigo García e assistiu Romeo Castellucci (2010-11), tendo-o representado no Festival d'Avignon no projeto "Voyage du Kadmos".
Em teatro, trabalhou com Tania Bruguera, Romeo Castellucci, Rodrigo García, Tiago Rodrigues, Jorge Andrade, Mariana Tengner Barros, Jorge Silva Melo, Paulo Castro, Francisco Salgado, etc.
Recebeu, na categoria de Teatro, os prémios Novos 2014 e Jovens Criadores Nacionais 2012.
É diretor artístico e programador da BoCA - Biennial of Contemporary Arts (Lisboa e Porto).

Ficha Artística

FICHA ARTÍSTICA
Concepção, direção John Romão
Elenco Vera Mantero, Luísa Cruz, Mariana Tengner Barros, entre outros a anunciar
Dramaturgia Mickael de Oliveira
Desenho de luz Rui Monteiro
Direção técnica Eduardo Maltez
Produção Colectivo 84
Co-produção Teatro Municipal do Porto, Culturgest, Cine-Teatro Avenida
Apoios Ministério da Cultura / Direção-Geral das Artes
Residências artísticas Estúdios Victor Córdon, O Espaço do Tempo

Preços

  • Plateia - 9€

-
Partilhar