Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
DESUMANIZAÇÃO

DESUMANIZAÇÃO

Teatro & Arte | Teatro

Cine-Teatro Garrett

Sala Principal
Classificação Etária
Maiores de 14 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2021
mai
08
Realizado

Duração

10 minutos

Abertura Portas

21:00

Intervalo

Sem Intervalo.

Produtor

Varazim Teatro - G.A. - Associação Cultural e Juvenil

Sinopse

Desumanização é uma versão cénica do romance A Desumanização, do consagrado escritor português Valter Hugo Mãe, prémio literário José Saramago, numa dramaturgia de José Pedro Pereira, com direcção e encenação de José Leitão, fundador e director da companhia.
Esta é uma história de perda, luto e superação que nos faz questionar acerca dos limites (ou sua transgressão) da humanidade.
Numa pequena aldeia abafada pela monumentalidade dos fiordes islandeses, Halldora surge em cena a partir da boca de Deus para nos contar como foi lidar com a morte de Sigridur, sua irmã gémea. Como preencher a metade que se perdeu? Como viver pelas duas? Como ocupar o outro lado do espelho?
Halldora diz-nos que O mundo mostrava a beleza, mas só sabia produzir o horror. Desumanização é Gelo, Terra e Fogo; é o corpo interior da Islândia.
Esta obra é, segundo o autor, um autêntico cântico de amor à Islândia. A encenação, tal como a obra, vai à Islândia buscar referências para a sua ficção teatral, num olhar estrangeiro sobre um país e suas gentes e numa visão artística que confronta os vários olhares de que é feita a vida, entre o real e imaginário.


Ficha técnica
Texto: Valter Hugo Mãe
Dramaturgia: José Pedro Pereira
Direcção e Encenação: José Leitão
Assistência de Encenação e Interpretação: Daniela Pêgo
Música: André Barros
Figurino: Cláudia Ribeiro
Desenho de luz e Sonoplastia: André Rabaça
Espaço Cénico: José Leitão e José Lopes
Direcção de Produção: Sofia Leal
Fotografia: Nuno Ribeiro
Ilustração do Cartaz: Rita Castro
Designer Gráfico: Tiago Dias

-
Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

A Força do Hábito

Teatro & Arte | Teatro

Cine-Teatro Garrett

Sala Principal

FIS 2021 - Calcutá

Música & Festivais | Concerto

Cine-Teatro Garrett

Café-Concerto